Buscar
  • ADVOGADO CRIMINAL

Parlamentar pede ao MPF que investigue Arthur do Val

A deputada estadual paulista Valéria Bolsonaro enviou uma representação ao Ministério Público Federal pedindo que o órgão investigue o deputado Arthur do Val por discurso de ódio, crime eleitoral e crime financeiro. A deputada também denunciou o colega ao Conselho de Ética da Assembleia Legislativa, após as declarações proferidas por ele sobre mulheres ucranianas.


Na última semanas o parlamentar, conhecido como “Mamãe Falei”, foi alvo de críticas em razão de um áudio no qual afirmou que mulheres ucranianas são “fáceis, porque são pobres”.


Segundo a parlamentar, além do discurso de ódio com conteúdo sexista contra as ucranianas, Arthur do Val também cometeu crime eleitoral por estar, naqueles dias, em pré-campanha ao governo paulista, além de crime financeiro na arrecadação de doações aos ucranianos.


Na ocasião, o deputado estadual fez uma viagem para a Europa juntamente com o coordenador do MBL (Movimento Brasil Libre), Renan Santos, sob pretexto de ajudar a resistência ucraniana à invasão russa. Arthur do Val viajou até a e Eslováquia e cruzou a fronteira com a Ucrânia a pé.





0 visualização0 comentário