Buscar
  • ADVOGADO CRIMINAL

Deic de Campinas prende trio por uso de documento falso, estelionato e associação criminosa

Com um dos autores foi encontrado mais de R$ 3 mil em espécie, sacados de uma agência bancária mediante fraude

A Polícia Civil prendeu dois homens, de 27 e 41 anos, e uma mulher, de 42, pelos crimes de uso de documento falso, estelionato e associação criminosa. A ação ocorreu nesta quarta-feira (18), no bairro Botafogo, em Campinas. Os trabalhos foram desempenhados pela 1ª Delegacia de Investigações Gerais (DIG) da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic) da cidade. Após apurações, os agentes descobriram que uma quadrilha especializada em saques bancários por meio de fraudes estava em um imóvel, na rua Paulo Setúbal, e foram ao local verificar. Chegando na residência, os policiais civis abordaram dois homens no momento que entravam na casa e, depois de busca pessoal, encontraram mais de um documento de identificação com cada um, com a mesma foto, mas nomes diversos. Questionada, a dupla confessou que os documentos eram falsos e informou sua verdadeira identificação. Também foram encontrados com os suspeitos R$ 3.401 mil em espécie, os quais um dos criminosos confessou ter adquirido por meio de saque fraudulento. Dentro da casa, por sua vez, os agentes abordaram uma mulher na posse de mais documentos falsos e encontraram outros documentos em nome de um homem com antecedentes criminais por estelionato a Justiça Federal, bem como dois cofres digitais. O trio foi preso em flagrante e os documentos, valores e cofres apreendidos. Exames periciais foram solicitados e a ocorrência registrada na especializada, onde também foi oficializada a captura de um dos homens, que constava como procurado por violência doméstica em Minas Gerais. A prisão preventiva dos autores foi solicitada e todos encaminhados à Cadeias Públicas, permanecendo detidos à disposição da Justiça. As investigações prosseguem.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo